Domingo, 31 de Maio de 2020

Buscar  
81 9 9823-8994

No Ar
MADRUGADA JC
Redes Sociais


Enquete
Você se considera uma pessoa consumista ?

 Sim
 Não

Parceiros

Brasil
Publicada em 21/05/20 às 08:08h - 20 visualizações
Pernambuco tem mais de 4 mil profissionais da Saúde infectados
Auxiliares e técnicos de enfermagem são as categorias mais atingidas pelo novo coronavírus no Estado

Rádio Cultura dos Palmares


 (Foto: Rádio Cultura dos Palmares)
Até esta quarta-feira (20), Pernambuco havia registrado um total de 4.371 infecções pelo novo coronavírus em profissionais que atuam nos serviços relacionados à Saúde, seja nos setores público estadual e municipais ou no setor privado. Outros 3.162 exames tiveram resultado negativo e 163 foram inconclusivos, devendo essas pessoas passarem por novas coletas. Há ainda 287 amostras biológicas de profissionais da Saúde aguardando processamento laboratorial.  No total, 7.983 já foram notificados e passaram por exames após apresentarem sintomas de síndromes gripais.  

Desde o dia 18 de abril, quando foram iniciados os trabalhos nos centros de testagens para profissionais da Saúde, até esta quarta-feira (20), foram coletados 3.804 exames. Desses, 1.440 foram do tipo RT-PCR, com coleta de material via swab nasal e orofaríngeo, que identifica a presença do vírus nos primeiros dias de sintomas da Covid-19, e outros 2.364 do tipo rápido, que investiga a presença de anticorpos após o desaparecimento dos sintomas.

Os centros de testagem atendem não só os profissionais de Saúde como também os familiares que convivem com eles. Há três unidades: no Centro de Formação dos Servidores e Empregados Públicos de Pernambuco (Cefospe), na Boa Vista; na sede da Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), no Bongi, e no Centro de Convenções de Pernambuco, em Olinda.

SES-PE
A maioria dos profissionais que contraíram a Covid-19, doença provocada pelo Sars-CoV-2, no entanto, está na rede do Estado. Segundo a SES-PE, são 2.710 servidores com exame positivo, o que equivale a 61.99% da categoria atingida. Esses profissionais atuam em Unidades de Pronto Atendimento (UPA), Unidades Pernambucanas de Atenção Especializada (UPAE) e hospitais.


 Desses 2.710 servidores atingidos, 69,9% são mulheres e 30,1%, homens. A grande maioria, mais 80%, tem idades entre 30 e 59 anos - 30 a 39 (29,7%), 40 a 49 (28,7%) e 50 a 59 (23,2%). Os servidores na faixa de 20 a 29 anos correspondem a 10,4%, enquanto os que têm entre 60 e 69 anos representam 6,7%. Aqueles com mais de 70 anos são 1,4%.

A maior parte dos infectados atua como técnico e auxiliar de enfermagem e no atendimento. Esse grupo reúne 1.131 pessoas doentes (41,7%). Os profissionais dos departamentos administrativos da SES-PE acometidos pela Covid-19 são 479 (17,7%). Em seguida aparecem os médicos, com 420 infectados (15,5%). Os enfermeiros representam 10,3% (279). Há casos registros também em profissionais da fisioterapia (45), assistência social (24), nutrição (15), além de farmacêuticos (15), entre outros.

Os óbitos entre servidores da SES-PE são 27, o que corresponde a um percentual de 0,9% de mortalidade. Os atendestes, técnicos e auxiliares de enfermagem são, novamente, o grupo mais afetado, com oito óbitos. Faleceram ainda três auxiliares de serviços gerais, dois enfermeiros, um auxiliar de câmara clara e escura, um auxiliar sanitário, um radiologista, um biomédico, um médico e um psicólogo.




Copyright (c) 2020 - Rádio Cultura dos Palmares - Todos os direitos reservados